Os grandes modelos de linguagem realmente mudarão a forma como o trabalho é realizado?

Mesmo quando as organizações adotam LLMs cada vez mais poderosos, elas terão dificuldade em abandonar sua dependência dos humanos.

Os modelos de linguagem grandes (LLMs, na sigla em inglês de Large Language Models) são de fato uma inovação que está mudando o paradigma da ciência de dados. Eles ampliam as capacidades dos modelos de aprendizado de máquina para gerar texto e imagens relevantes em resposta a uma ampla gama de estímulos qualitativos. Embora essas ferramentas sejam caras e difíceis de construir, uma multidão de usuários pode usá-las rapidamente e de forma econômica para realizar algumas das tarefas baseadas em linguagem que só os humanos poderiam fazer antes.  Continuar lendo Os grandes modelos de linguagem realmente mudarão a forma como o trabalho é realizado?

Evite os perigos do capital de risco corporativo

Grandes empresas e capital de risco podem ser parceiros complicados. Veja como fazer o empreendimento corporativo dar certo.

Sobre a pesquisa exibida nesse artigo:

Os autores se propuseram a investigar os fatores de sucesso ou fracasso das iniciativas de capital de risco corporativo (CVC, do inglês Corporate Venture Capital). Eles entrevistaram líderes de 164 unidades de CVC e buscaram detalhes sobre como suas organizações são estruturadas, financiadas e governadas; suas relações com as empresas-mãe; como as decisões são tomadas; e como os membros das equipes de CVC são remunerados. Eles também coletaram e analisaram dados sobre os investimentos desses CVCs, seus co-investidores e os antecedentes dos membros de suas equipes de investimento.

Continuar lendo Evite os perigos do capital de risco corporativo

Bancos e empresas precisam repensar como abordar a Inovação

Inovação! – esse é um grito de guerra comum na era do Vale do Silício, das fintechs e das startups de tecnologia ágil. Certamente a indústria bancária não está excluída dessa narrativa.

As fintechs estão cada vez mais populares, com seus serviços sob demanda, especialmente para aqueles tradicionalmente subatendidos pelos bancos tradicionais. O número crescente e a variedade dos bancos desafiadores, muitas vezes com capacidades bancárias 24 horas por dia, oferecem um contraponto atraente aos bancos físicos. A pressão está aumentando sobre eles. No entanto, a Inovação não é tão fácil quanto apertar um simples botão ou criar um app.  Continuar lendo Bancos e empresas precisam repensar como abordar a Inovação

Artigos traduzidos do jornal Harvard Business Review

Confira abaixo os artigos traduzidos e publicados no jornal da Universidade de Harvard, o renomado periódico bimestral Harvard Business Review:

HBR edição de Maio – Junho de 2024:

A arte de fazer perguntas mais inteligentes

A CEO e fundadora da Praava Health fala sobre sistemas de saúde em um mercado emergente

Para obter sucesso com a IA, é necessário envolver todos

Como marcas inclusivas impulsionam o crescimento

O novo papel do RH

Transformações que funcionam

Profissionais altamente qualificados desejam seu trabalho, mas não seu emprego

Conselhos para colaboradores desmotivados

HBR edição de Março – Abril de 2024:

Não deixe que a Inteligência Artificial Generativa limite a criatividade da sua equipe

Qual deve ser a velocidade ideal de crescimento da sua empresa?

Criar um sistema para crescer de forma consistente

Como ter sucesso em uma era de volatilidade

O presidente da Honeywell fala sobre trazer um negócio industrial para a era digital

Trazendo valores humanos para a IA

OML: Como o machine learning transformará a Gestão da Cadeia de Suprimentos

HBR edição de Janeiro – Fevereiro de 2024:

Liderando no fluxo do trabalho

Os líderes devem reagir

Por que a liderança em tempo real é tão difícil

O CEO do Grupo Gérard Bertrand fala sobre a evolução de uma empresa familiar de vinhos para se tornar uma marca global

Trazendo valores humanos para a Inteligência Artificial

Continuar lendo Artigos traduzidos do jornal Harvard Business Review

O que os criadores de oportunidades fazem de diferente hoje

As antigas fórmulas para atrair novos clientes B2B não funcionam mais. O desenvolvimento de negócios em empresas de serviços profissionais está desatualizado. Veja o que funciona agora.

O problema

O desenvolvimento de negócios em empresas de serviços profissionais (Contabilidade, Direito, RH, Marketing etc) há muito tempo gira em torno de um princípio: se você faz um bom trabalho para os clientes, eles continuarão voltando.

A causa

Mas os clientes não estão mais preferindo relacionamentos estabelecidos com fornecedores de preços premium e agora muitas vezes pedem a uma variedade de prestadores de serviços que concorram pelos negócios.

A solução

Três comportamentos são fundamentais para uma abordagem de desenvolvimento de negócios bem-sucedida: construir redes conectadas de colegas e clientes, criar valor através da colaboração e comprometer-se com uma rotina de desenvolvimento de negócios proativa e consistente.  Continuar lendo O que os criadores de oportunidades fazem de diferente hoje

Um guia passo a passo para precificação em tempo real

Para os varejistas digitais, a capacidade de revisar preços rapidamente e em grande escala surgiu como um diferenciador decisivo, especialmente durante períodos de inflação, quando os preços flutuam com mais frequência.

O problema

A capacidade de usar IA para mudar preços frequentemente online e em lojas físicas tornou-se crítica para competir no varejo. Mas até mesmo varejistas que construíram tais modelos computacionais adotam uma abordagem excessivamente limitada.

O que os varejistas fazem de errado

Eles tentam igualar ou reduzir os seus preços sem levar em conta se os rivais estão sem estoque ou outros fatores que influenciam as decisões de compra dos consumidores.

A solução

Construa e implemente modelos computacionais que analisem dados históricos de vendas, capturem padrões cruciais e considerem não apenas a precificação dos concorrentes, mas também a disponibilidade de produtos e o comportamento do cliente para recomendar preços ideais em tempo real.  Continuar lendo Um guia passo a passo para precificação em tempo real

A Gestão Intermediária no segundo escalão hierárquico é a chave para alcançar a sustentabilidade

Como heróis desconhecidos garantem uma mudança impactante numa empresa

Resumo do artigo

A oportunidade

Os esforços de sustentabilidade corporativa devem seu sucesso em grande parte a inúmeros atores ocultos e heróis desconhecidos: os executivos intermediários e líderes de equipe críticos de uma organização. Mas como eles podem ser capacitados e o que devem priorizar?

As etapas

O manual de sustentabilidade dos gerentes intermediários varia conforme a maturidade em sustentabilidade da empresa. Ela é culturalmente resistente a iniciativas sociais e ambientais, hiperfocada nelas ou está em algum lugar intermediário?

O conselho

A missão principal dos campeões intermediários em empresas que estão começando na estrada da sustentabilidade é construir capacidades e engajamento. A partir daí, eles devem aumentar a ambição e a escala das parcerias externas e das iniciativas no nível setorial. Continuar lendo A Gestão Intermediária no segundo escalão hierárquico é a chave para alcançar a sustentabilidade

Ajudando os funcionários a terem sucesso com a IA Generativa

Como gerenciar o desempenho quando a nova tecnologia traz mudanças constantes e imprevisíveis. Se existisse uma lei universal sobre a adoção de novas tecnologias, seria esta: as pessoas usarão ferramentas digitais de maneiras que você não pode prever ou controlar totalmente.

A chegada de tecnologias baseadas em IA generativa, usando grandes modelos de linguagem (LLMs) como o ChatGPT e o Google Bard, levanta uma questão crítica para os líderes de todos os tipos de organizações: como você pode gerenciar funcionários quando as capacidades ao alcance deles estão em constante mudança e os efeitos dessas mudanças são imprevisíveis?  Continuar lendo Ajudando os funcionários a terem sucesso com a IA Generativa